A BÊNÇÃO DE TER AMIGOS

Amigos são valiosos, uma das maiores bênçãos que um homem pode ter.

Amigos às vezes podem estar mais perto uns dos outros do que aqueles a quem eles estão relacionados por laços de sangue (família física).

O que a Bíblia tem a dizer sobre os amigos?
 
ESCOLHENDO AMIGOS.

     a)  Devemos buscar genuínos, amigos verdadeiros, em vez de “bons   tempos” amigos. 

Pv. 19:4 - “As riquezas granjeiam muitos amigos, mas ao pobre o seu próprio amigo o deixa”.

 
     b)  Devemos estar cientes que os nossos amigos têm influência sobre nós.

Pv. 13:20 -  Anda com os sábios e serás sábio, mas o companheiro dos tolos será destruído”.

 
     c)   Devemos buscar amigos que nos fará pessoas melhores.

 
Pv. 27:17 - “Como o ferro com o ferro se aguça, assim o homem  afia o rosto do seu amigo”.

 
     d)  Devemos evitar aqueles que terão uma influência negativa sobre o nosso caráter.

 
Pv. 22:24 – 25 - “Não faças amizade com um homem iracundo, nem andes com o homem colérico, para que não aprendas as suas veredas e tomes um laço para a tua alma”.

PRODUZINDO AMIGOS.

a)  As amizades devem ser de natureza recíproca.
Pv. 18:24 -  “O homem que tem muitos amigos pode congratular-se, mas há amigo mais chegado do que um irmão”.

b)  Não faça uma “praga” de si mesmo.
Pv. 25:17 - “Retira o pé da casa do teu próximo, para que não se enfade de ti, e te aborreça”.

c)   Desenvolver uma atitude de perdão em relação aos outros.
Pv. 17:9 - “O que encobre uma transgressão busca a amizade, mas o que renova a questão separa os maiores amigos”.

d)  Ajudar os outros nos momentos de necessidade.
Pv. 17:17 - “Em todo o tempo ama o amigo; e na angustia nasce o irmão”.

 
PRESERVANDO AS AMIZADES.

a)  Não faça fofocas sobre seus amigos.
Pv. 16:28 - “O homem perverso levanta a contenda, e o difamador separa os maiores amigos”.

b)  Não trair a confiança do seu amigo.
Pv. 25:19 - “A confiança em um homem desleal em tempo de angústia é como um dente quebrado e um pé deslocado”.

c)   Evite conduta ofensiva.
Pv. 26:18 – 19 - “Como o louco que solta faíscas, flechas, e morte, assim é o homem que engana o seu próximo, e diz: Fiz isso por brincadeira”.

d)  Não se envolver em assuntos financeiros do seu amigo.
Pv. 6:1-2 - “Filho meu, se ficaste por fiador do teu companheiro, se deste a tua mão ao estranho, enredaste-te com as palavras da tua boca, prendeste-te com as palavras da tua boca”.

 
CONCLUSÃO:
 
 
Quando as amizades são devidamente escolhidas, produzidas e preservadas, amigos pode ser uma das mais valiosas de todas as bênçãos que um homem pode ter.




FONTE DE INFORMAÇÕES
Escrito por Jalles Caetano

POSTAGEM MAIS ACESSADAS:

O OBREIRO E A ÉTICA NO PULPITO

O TABERNÁCULO E SUAS MEDIDAS:

EXISTEM 4 TIPOS DE TEMPERAMENTOS! VOCÊ CONHECE SEU TEMPERAMENTO?

PASSOS DA FÉ - Marcos 11:22 - 24

AGEU - O PROFETA DA CONSTRUÇÃO DO TEMPLO

O CRENTE E O USO DA GRAVATA E O PALETÓ!

ÉTICA DO OBREIRO E O RELACIONAMENTO ENTRE SEUS COLEGAS

ETIQUETA E AS BOAS MANEIRAS NO CULTO

ESTATUTO DO CONSELHO DE PASTORES E LÍDERES EVANGÉLICOS DE VARGEM GRANDE PAULISTA - COPLEV