A IGREJA EM BUSCA DE ESCLARECIMENTO SOBRE INTIMIDADES SEXUAIS

www.prnatanaelsp.com.br
Pesquisando sobre o assunto, devido ser muito explícito diante da sociedade, citado muito em encontro de casais e aconselhamento conjugal, venho relatar sobre o mesmo de uma forma clara e formal, acerca do sexo anal; pode ou não pode? É pecado ou não? O que diz e o que não diz a bíblia? Esse é um dos temas que despertam mais dúvidas no meio do povo de Deus, principalmente aqueles que são novos na fé e casados de pouco. 

Quero deixar bem claro aos amados irmãos em Cristo que, como pastor, jamais serei a favor de liberalismos e libertinagens que existem no meio dos que se dizem evangélicos, mas que vivem fazendo o que querem. Estes não têm compromisso com a Seara, e com suas rebeldias desenfreadas, vivem em trevas, sem o conhecimento de Deus.

O assunto mencionado abaixo se destina a casais realmente casados, que buscam o esclarecimento de dúvidas em suas intimidades sexuais, e encontram-se turbados por ouvirem aqui e ali pregações de “…é proibido isso…”…”…é proibido aquilo…”, sem nenhuma base bíblica que possa ao menos nos dar uma segurança do que somos restringidos.

Uma pesquisa feita pela BEPEC (bureau de pesquisa e estatística cristã), com mais de 1,6 milhões de evangélicos, diz que apenas 31,8% dos entrevistados possui uma relação sexual plenamente satisfatória. Eu acho pouco, bem pouco. Por isso insisto em dizer que este é um assunto que deve ser esclarecido, principalmente dentro das igrejas. A falta de satisfação sexual contribui e muito para a destruição de um casamento e abrindo brechas para o divórcio.

Quando tocamos no assunto "sexo anal", o primeiro texto bíblico que nos vem à mente é o de Romanos 1:26-27 - "POR CAUSA DISSO DEUS OS ENTREGOU A PAIXÕES VERGONHOSAS. ATÉ SUAS MULHERES TROCARAM SUAS RELAÇÕES SEXUAIS NATURAIS POR OUTRAS, CONTRÁRIAS À NATUREZA. – (27) DA MESMA FORMA, OS HOMENS TAMBÉM ABANDONARAM AS RELAÇÕES NATURAIS COM AS MULHERES E SE INFLAMARAM DE PAIXÃO UNS PELOS OUTROS. COMEÇARAM A COMETER ATOS INDECENTES, HOMENS COM HOMENS, E RECEBERAM EM SI MESMOS O CASTIGO MERECIDO PELA SUA PERVERSÃO.

Se estudarmos o contexto destes versículos, vamos descobrir que Paulo se referia aos bacanais públicos e oficiais de Roma. A orgia era parte oficial da instituição. É só ler com um pouco mais de atenção que você vai perceber. César mantinha relações sexuais com todas as mulheres que queria e também fazia-se mulher para muitos homens. Tudo era possível e permitido! Ele definitivamente não estava falando de sexo anal entre marido e mulher com consentimento e prazer mútuo.

A versão da Nova Bíblia Viva não nos deixa dúvidas: Romanos 1:26, 27 - "ESTA É A RAZÃO PELA QUAL DEUS OS ENTREGOU A PAIXÕES PECAMINOSAS, A TAL PONTO QUE ATÉ SUAS MULHERES SE VOLTARAM CONTRA O PLANO NATURAL QUE DEUS TINHA PARA ELAS E CEDERAM AOS PECADOS SEXUAIS ENTRE ELAS MESMAS." 

Sugiro então que não use mais este texto para condenar o sexo anal. Outro versículo que também gera debate é o de I Cor 6:9-10 - "OU NÃO SABEIS QUE OS INJUSTOS NÃO HERDARÃO O REINO DE DEUS? NÃO VOS ENGANEIS: NEM IMPUROS, NEM IDÓLATRAS, NEM ADÚLTEROS, NEM EFEMINADOS, NEM SODOMITAS, NEM LADRÕES, NEM AVARENTO, NEM BÊBADOS, NEM MALDIZENTES, NEM ROUBADORES HERDARÃO O REINO DE DEUS".

Sodomita - Essa palavra tem origem na descrição Bíblica de Sodoma e Gomorra. A interpretação mais difundida desse texto é de que o pecado de Sodoma seria o sexo entre homens, no entanto, estudos bíblicos mais recentes entendem que o pecado de Sodoma é a injustiça e a anti-hospitalidade. Outra teoria diz que o motivo da ira Divina sobre Sodoma e Gomorra, era o abuso sexual e a intenção de fazer o mal ao próximo. Esses estudos, pregam que os sodomitas eram tão perversos que desejavam humilhar os forasteiros, abusando-os pela simples razão de serem estrangeiros. E dizem ainda que a intenção dos habitantes pode ser entendida apenas como vontade de fazer o mal. Mais uma vez não podemos afirmar que esta palavra se refere ao sexo anal feito entre marido e mulher com consentimento mútuo e prazer.

Outra expressão que é muito discutida e encontrada em diversos textos bíblicos é "imoralidade sexual". Todo bom cristão sabe que para Deus este é um ato repugnante, ou seja, quem pratica imoralidade está pecando, fato. Encontrei no livro "A Batalha de Todo Adolescente", uma definição interessante para esta expressão: "Imoralidade sexual é tudo aquilo que é feito fora da aliança do casamento ou dentro dela, mas sem amor". De acordo com esta definição, não podemos associar imoralidade sexual a prática do sexo anal feito entre marido e mulher com consentimento mútuo e prazer, certo?

RISCOS DO SEXO ANAL

Vamos considerar o sexo anal para o momento – a inserção do pênis masculino no reto de outro – é um ato normal do sexo? De acordo com várias fontes médicas, o sexo anal é particularmente arriscado porque provoca hemorragia.

O ânus não é normalmente grande o suficiente para acomodar um pênis ereto. Como resultado, as lágrimas da superfície da pele são forçadas com o pênis.

O revestimento do reto não é projetado para ser picado e cutucado, e assim durante o sexo, ele também fica danificado e lacrimejante. Não é preciso ser um gênio para perceber que bactérias presentes no reto não pertence à corrente sanguínea de uma pessoa.

É por isso que as doenças sexualmente transmissíveis são rapidamente transmitidas na comunidade homossexual. As feridas causadas por sexo anal dão fácil o acesso a várias doenças aos sistemas internos do corpo.

No Antigo Testamento, Deus enunciou várias coisas que deviam ser consideradas impuras. Por exemplo, entre em contato com um cadáver, doenças que causaram a descarga ou em decomposição da pele, certos animais, os fluxos menstruais e sêmen foram todos identificados impuros.

Muitas pessoas ficam intrigadas sobre por que essas coisas particulares foram selecionadas, mas basicamente são coisas que a maioria das pessoas acharia nojento por causa de sua aparência, cheiro, ou com o que eles entram em contato.

Acontece que, evitar muitas dessas coisas também reduz a propagação de doenças. Deus usou as leis de impureza para ilustrar como o pecado era repugnante. “VOCÊ NÃO DEVE COMER QUALQUER COISA DETESTÁVEL” (Deuteronômio 14:03).

Ele também colocou uma barreira entre o povo de Deus e as nações ao redor deles. “VOCÊ DEVE, PORTANTO, FAZER A DISTINÇÃO ENTRE ANIMAIS PUROS E IMPUROS, ENTRE AS AVES IMUNDAS E AS LIMPAS, E VOCÊ NÃO DEVE FAZER-SE ABOMINÁVEL POR BESTA OU PÁSSARO, OU POR QUALQUER TIPO DE ANIMAL QUE SE ARRASTA SOBRE A TERRA, AS QUAIS COISAS APARTEI DE VÓS COMO IMUNDA. E SEREIS PARA MIM SANTOS, PORQUE EU, O SENHOR, SOU SANTO, E VOS SEPAREI DOS POVOS, PARA SERDES MEUS” (Levítico 20:25-26). Assim, as leis da impureza teriam impedido os israelitas de adotar as práticas das nações ao redor deles.

No Novo Testamento, o termo “imundo” é emprestado e aplicado a atos pecaminosos que são repugnantes na natureza. Aqueles que praticam esses atos não estão demonstrando um desejo de viver uma vida santa, mas que chafurda na imundície do mundo.

Por causa do uso da palavra “impuro” em Romanos 1:24 – “POR ISSO DEUS OS ENTREGOU À IMPUREZA SEXUAL, SEGUNDO OS DESEJOS PECAMINOSOS DOS SEUS CORAÇÕES, PARA A DEGRADAÇÃO DOS SEUS CORPOS ENTRE SI”, a maioria dos comentaristas estão inclinados a concordar que os atos homossexuais definitivamente se enquadram na categoria de “impuros”, embora não se limitando a estes atos sozinho. Outras formas pervertidas de sexo, tais como sadomasoquismo, também cairia em “impuro”.

É curioso porque o marido ou a esposa desejaria uma forma distorcida de sexo quando a relação sexual é disponível gratuitamente para eles. Por que procurar uma expressão sexual que aumenta os riscos de doença ou danos?DEIXE QUE SUA FONTE SEJA ABENÇOADA, E ALEGRA-TE COM A MULHER DA TUA MOCIDADE. COMO UM CERVO AMOROSO E GAZELA GRACIOSA, DEIXE SEUS SEIOS SATISFAZÊ-LO EM TODOS OS MOMENTOS; E SEMPRE EXTASIADO COM O SEU AMOR” (Provérbios 5:18-19).

É adequado estar zangado com a esposa quando ela não deseja participar de atos sexuais incomuns? Você precisa ter em mente que Paulo advertiu: “VOCÊ TEM FÉ? TÊ-LO A SI MESMO DIANTE DE DEUS. FELIZ É AQUELE QUE NÃO SE CONDENA A SI MESMO NAQUILO QUE APROVA. MAS AQUELE QUE TEM DÚVIDAS É CONDENADO SE COMER, PORQUE ELE NÃO FAZ COMER DE FÉ, POIS TUDO O QUE NÃO É DE FÉ É PECADO” (Romanos 14:22-23).

Paulo estava discutindo sobre comida, mas o princípio permanece o mesmo. Um homem é abençoado se as coisas que ele aprova não lhe traz condenação para ir além dos mandamentos de Deus. No entanto, se uma pessoa não está certa que alguma ação é certa, então a incerteza em si é um pecado.

É impróprio para tentar servir a Deus, na esperança de que você está fazendo é certo. O serviço a Deus deve ser de confiança que você sabe que o que você está fazendo é agradável a Deus. Assim, a menos que sua esposa concorda e gosta de atos sexuais incomuns, apesar de suas dúvidas, seria pecaminoso.

Ter desejos de certos atos sexuais está errado? Jesus explicou que o pecado começa a partir dos desejos.

Os atos reais são apenas a confirmação de que o coração já decidiu. E Ele disse: Marcos 7:20 – 23 - “O QUE SAI DO HOMEM, É O QUE CONTAMINA O HOMEM. PORQUE DE DENTRO, DO CORAÇÃO DOS HOMENS SAEM OS MAUS PENSAMENTOS, OS ADULTÉRIOS, AS PROSTITUIÇÕES, OS HOMICÍDIOS, OS FURTOS, A AVAREZA, AS MALDADES, O ENGANO, A LASCÍVIA, UM OLHO BLASFÊMIA, A SOBERBA, A LOUCURA. TODOS ESSES MALES VÊM DE DENTRO E CONTAMINAM O HOMEM”.

CONCLUSÕES FINAIS

O conselho que costumo dar a estes homens é: O amor não faz mal ao próximo, e se sua mulher sofre com o sexo anal, por amor a ela (e a Deus), você não deve fazer. Nem com ela e nem com mais ninguém! 

É importante que vocês conversem sobre essa sua necessidade e orem juntos por isso. Controle sua mente e seus olhos. Quanto mais alimentar pensamentos e fantasias, mais forte o "monstro do desejo” ficará, e aí será mais difícil lutar contra ele. Cada vez que um pensamento vier, lute contra ele em oração. Se não alimentar o desejo, mais fraco o "monstro" vai ficar. E sem alimento, uma hora ou outra acaba morrendo. É o famoso: "RESISTI AO DIABO E ELE FUGIRÁ DE VÓS." Tiago 4:7. Talvez seja interessante conversar com sua esposa sobre algumas formas de deixar a relação sexual mais intensa, enquanto não se vê livre disso definitivamente, quem sabe com carinhos e posições diferentes... descubram-se! 

O conselho continua: Tiago 1:14 – 15 - "CADA UM, PORÉM, É TENTADO PELA PRÓPRIA COBIÇA, SENDO POR ESTA ARRASTADO E SEDUZIDO. ENTÃO A COBIÇA, TENDO ENGRAVIDADO, DÁ À LUZ O PECADO, E O PECADO, APÓS TER-SE CONSUMADO, GERA A MORTE." 

O pecado sendo consumado, pode gerar a sua morte espiritual, a morte espiritual da sua esposa e a destruição do seu casamento. Persevere! Diga não quando o desejo bater a sua porta: "PORQUE SABEMOS QUE A TRIBULAÇÃO PRODUZ PERSEVERANÇA, A PERSEVERANÇA, UM CARÁTER APROVADO, E O CARÁTER APROVADO, ESPERANÇA, E VOCÊ NÃO FICARÁ DECEPCIONADO." Romanos 5:3-4. 

Feche os olhos para a pornografia, controle seus pensamentos: "TUDO O QUE FOR VERDADEIRO, TUDO O QUE FOR NOBRE, TUDO O QUE FOR CORRETO, TUDO O QUE FOR PURO, TUDO O QUE FOR AMÁVEL, TUDO O QUE FOR DE BOA FAMA, SE HOUVER ALGO DE EXCELENTE OU DIGNO DE LOUVOR, PENSEM NESSAS COISAS." Filipenses 4:8. 

A tentação sempre vai estar a nossa porta, seja nesta ou em qualquer outra área da vida, mas nós temos o poder de dominá-la. Veja o que Deus disse a Caim quando, alimentado pelo ódio, planejava matar seu irmão: "SE VOCÊ FIZER O BEM, NÃO SERÁ ACEITO? MAS SE NÃO O FIZER, SAIBA QUE O PECADO O AMEAÇA À PORTA, ELE DESEJA CONQUISTÁ-LO, MAS VOCÊ DEVE DOMINÁ-LO". Gênesis 4:7. Infelizmente Caim não escutou o conselho. Ele não dominou o pecado, alimentou o ódio e assassinou seu irmão.

Deus é perfeito e faz tudo perfeito. O Seu plano original para o sexo era perfeito também. Ele criou o orifício certo pra isso! O ponto "G" da mulher está na vagina e não no ânus. Mas com o pecado no mundo, muitas coisas mudaram. Deus não criou o sexo anal. Se ele nunca tivesse existido, provavelmente o ser humano não sentiria essa necessidade, mas como ele existe, a vontade surge, claro. Como eu disse, o sexo criado por Deus é lindo! A posição tradicional, pênis na vagina, corpo no corpo, olhos nos olhos, também traz MUITO prazer.

Quando o casal se ama, vive uma só carne, e tem intimidade com Deus, aos poucos vai voltando ao princípio, a origem daquilo que Deus criou, como um imã, entende? Quanto mais perto de Deus, mais longe estaremos do pecado, e quanto mais perto do pecado, mais longe estaremos de Deus. Mas quem sou eu para julgar a vida sexual de alguém? E quem sou eu para convencer (que é diferente de esclarecer) alguém do pecado? Isso é um trabalho que compete ao Espírito Santo de Deus: "QUANDO ELE VIER (E JÁ VEIO), CONVENCERÁ O MUNDO DO PECADO, DA JUSTIÇA E DO JUÍZO." João 16:8

POSTAGEM MAIS ACESSADAS:

O OBREIRO E A ÉTICA NO PULPITO

O TABERNÁCULO E SUAS MEDIDAS:

EXISTEM 4 TIPOS DE TEMPERAMENTOS! VOCÊ CONHECE SEU TEMPERAMENTO?

PASSOS DA FÉ - Marcos 11:22 - 24

O CRENTE E O USO DA GRAVATA E O PALETÓ!

AGEU - O PROFETA DA CONSTRUÇÃO DO TEMPLO

ETIQUETA E AS BOAS MANEIRAS NO CULTO

ÉTICA DO OBREIRO E O RELACIONAMENTO ENTRE SEUS COLEGAS

ESTATUTO DO CONSELHO DE PASTORES E LÍDERES EVANGÉLICOS DE VARGEM GRANDE PAULISTA - COPLEV