A FESTA DE PENTECOSTES

www.prnatanaelsp.com.br
Pentecostes - é um vocábulo grego e significa “quinquagésimo”. Nós cristãos normalmente, com essa palavra, recordamos o evento contado por Atos dos Apóstolos 2

A origem desta festa - Antes de se chamar assim, tinha outros nomes, e era uma festa agrícola. Em Êxodo 23,14-17 é chamada de festa da Colheita, a festa dos primeiros feixes de trigo colhidos.

Êxodo 34 e 22 é chamada de festa das Semanas. Por que “festa das semanas”? A explicação é dada pelo Levítico 23:15-21 - calculavam-se 7 semanas a partir do início da colheita do trigo. 7 semanas = 49 dias.

Com o tempo, ela perdeu a sua ligação com a vida dos agricultores, recebeu o nome grego de Pentecostes e tomou-se festa cívico-religiosa. No tempo de Jesus, celebrada 50 dias após a Páscoa, ela recordava a dia em que no Monte Sinai, Deus entregou as tábuas da Lei a Moisés.

A Igreja nasceu no ano 30 d.C., na Festa de Pentecostes, isto é, 50 dias após a ressurreição do Senhor.

A única referência bíblica aos eventos reais de Pentecostes é Atos 2:1-3. Pentecostes é uma reminiscência da Santa Ceia; em ambos os casos, os discípulos estão juntos em uma casa para o que vem a ser um evento importante. Na última ceia, os discípulos testemunham o fim do ministério terreno do Messias quando Ele pede que se lembrem dEle após a Sua morte até o Seu retorno. No dia de Pentecostes, os discípulos testemunham o nascimento da igreja do Novo Testamento com a vinda do Espírito Santo para habitar todos os crentes. Assim, a cena dos discípulos nos aposentos no dia de Pentecostes une o início da obra do Espírito Santo na igreja com a conclusão do ministério terreno de Cristo no Cenáculo, antes da crucificação.

INÍCIO DA IGREJA EM PENTECOSTES

A Igreja não existia no V.T., como já dissemos, a Igreja é algo novo no plano de Deus, era um mistério que foi revelado após a morte e ressurreição de Jesus Cristo.

Atos 2:1-21 - a Igreja é fundada no dia de Pentecostes. - A Igreja foi fundada, foi inaugurada, no dia de Pentecostes, isto é, 50 dias após a ressurreição de Jesus. Em Israel, a festa de Pentecostes é comemorada 50 dias após o dia pascoa. No dia de Pentecostes, profeticamente, eram oferecidos dois pães com fermento, movidos diante do Senhor, simbolizando a união de judeus e gentios em um só corpo (a igreja). 
  • Colossenses 1:17-24; a igreja é o corpo de Cristo.
  • Efésios 1:22-23
  • Romanos 12:5 

Porque a igreja não existia no Velho Testamento? Porque e iniciando somente após a morte e ressurreição de Jesus?

Não há Igreja sem a obra de batismo do Espírito Santo, no corpo de Cristo.

I Coríntios 12:13 - A Igreja é o corpo de Cristo e este versículo descreve como cada pessoa, que se torna membro do corpo de Cristo, é introduzida nesse corpo; o corpo está sendo formado, não está ainda totalmente completo. “... EM UM SÓ ESPÍRITO FOMOS TODOS NÓS BATIZADOS (imersos, introduzidos) EM UM SÓ CORPO QUER JUDEUS, QUER GENTIOS, QUER ESCRAVOS, QUER LIVRES ...” Se todos os que são salvos são colocados no corpo de Cristo pelo batismo que o Espírito Santo opera, significa que sem esse batismo, sem essa obra do Espírito, não haveria corpo. Se o Espírito não operasse esse batismo, que é pegar cada pessoa que nasce de novo e colocar no corpo de Cristo, não existiria corpo.

Quando começou esse batismo? Havia esse batismo no V.T.? Não havia. Então, não era possível existir corpo de Cristo no V.T.

O batismo do Espírito era uma promessa de Deus que Jesus profetizou aos apóstolos e que se cumpriu no dia de Pentecostes. 
  • João 14:16-17 - “E EU ROGAREI AO PAI, E ELE VOS DARÁ OUTRO AJUDADOR...”
  • Lucas 24:49 - “E EIS QUE SOBRE VÓS ENVIO A PROMESSA DE MEU PAI...”
  • Atos 1:1-14 - “RECEBEREIS PODER, AO DESCER SOBRE VÓS O ESPÍRITO SANTO... ”
A DESCRIÇÃO DO FOGO E VENTO MENCIONADOS NO RELATO DE PENTECOSTES RESSOA POR TODO O ANTIGO E O NOVO TESTAMENTO.
 
O som do vento no dia de Pentecostes foi "impetuoso" - Referências bíblicas ao poder do vento (sempre entendido como estando sob o controle de Deus) não faltam. Êxodo 10:13, Salmo 18:42, Isaías 11:15 e Mateus 14: 23-32, são apenas alguns exemplos.

Mais significativo do que o vento como poder é o vento como vida no Antigo Testamento (Jó 12:10) e como espírito no Novo (João 3:8). Assim como o primeiro Adão recebeu o sopro da vida física (Gênesis 2:7), do mesmo modo o segundo Adão, Jesus, traz o sopro da vida espiritual. A ideia da vida espiritual gerada pelo Espírito Santo é certamente implícita no vento no dia de Pentecostes.

O fogo é muitas vezes associado no Antigo Testamento com a presença de Deus (Êxodo 3:2; 13:21-22; 24:17, Isaías 10:17) e Sua santidade (Salmo 97:3; Malaquias 3:2). Da mesma forma, no Novo Testamento, o fogo está associado à presença de Deus (Hebreus 12:29) e à purificação que Ele pode trazer à vida humana (Apocalipse 3:18).


A presença e santidade de Deus estão implícitas nas línguas de fogo durante Pentecostes. Na verdade, o fogo se identifica com o próprio Cristo (Apocalipse 1:14, 19:12); esta associação é naturalmente subjacente ao presente do Espírito Santo em Pentecostes, o qual iria ensinar aos discípulos as coisas de Cristo (João 16:14).

SURGIMENTO DO MOVIMENTO PENTECOSTAL

Igreja Pentecostal é um movimento cristão protestante que dá grande relevo ao Dia de Pentecostes e que apresenta algumas diferenças em comparação com outras denominações.

O movimento pentecostal começou em 1906, em Los Angeles, quando William J. Seymour pregou, dando origem ao Avivamento da Rua Azusa. Os elementos da Igreja Pentecostal consideram o batismo no Espírito Santo essencial no caminho da salvação. O batismo no Espírito é um fenômeno carismático caracterizado pela glossolalia, conhecido como dom de línguas (1 Coríntios 12:10).

O pentecostalismo se propagou muito rapidamente nos Estados Unidos através da Church of God in Christ, e evoluiu bastante principalmente dentro da comunidade afro-descendente. Além disso, as Assembleias de Deus ficaram muito populares no Chile, Brasil, Indonésia e África do Sul. A partir de 1945 foram organizadas grandes missões populares, onde pregadores utilizavam recursos técnicos avançados. Muitas dessas igrejas marcam presença na Conferência Mundial Pentecostal, que acontece a cada três anos desde 1949 em diferentes cidades do mundo.


O termo pentecostal tem origem na palavra Pentecostes, que é uma festa cristã que ocorre 50 dias depois da Páscoa, encerrando o ciclo das festas. Comemora a descida do Espírito Santo sobre os apóstolos, onde surgiram "línguas de fogo" sobre a cabeça dos apóstolos, sendo que as pessoas que receberam o Espírito Santo começaram a falar em línguas. Este episódio é descrito em Atos dos Apóstolos 2:1-13.

POSTAGEM MAIS ACESSADAS:

O OBREIRO E A ÉTICA NO PULPITO

O TABERNÁCULO E SUAS MEDIDAS:

EXISTEM 4 TIPOS DE TEMPERAMENTOS! VOCÊ CONHECE SEU TEMPERAMENTO?

PASSOS DA FÉ - Marcos 11:22 - 24

AGEU - O PROFETA DA CONSTRUÇÃO DO TEMPLO

O CRENTE E O USO DA GRAVATA E O PALETÓ!

ÉTICA DO OBREIRO E O RELACIONAMENTO ENTRE SEUS COLEGAS

ETIQUETA E AS BOAS MANEIRAS NO CULTO

ESTATUTO DO CONSELHO DE PASTORES E LÍDERES EVANGÉLICOS DE VARGEM GRANDE PAULISTA - COPLEV